Picos(PI), 26 de Maio de 2018
Cidades
Saúde de Francisco Macedo intensifica ações em combate a ‘virose da mosca’
A ação preventiva foi realizada no centro da cidade
Em 14/02/2018 por Jesika Mayara
Tamanho da fonte - +

(Foto: Reprodução/Cidades Na Net)

Tendo em vista o crescente aumento no país de casos diagnosticados como a ‘virose da mosca’, provenientes do calor intenso e chuvas esporádicas na nossa região, e a tomada de conhecimento sobre os seus sintomas, causas e tratamento, surge a necessidade de haver a mobilização de agentes públicos, bem como dos profissionais da saúde no repasse de informações à população e de conscientizá-la sobre os riscos que um acometido por esta virose pode sofrer.

Reconhecida pelas ações realizadas em campanhas preventivas, a Prefeitura Municipal de Francisco Macedo que tem como prefeito Nonato Alencar, se destaca mais uma vez pela promoção de uma campanha de conscientização, desta vez sobre a ‘virose ou doença da mosca’ que envolve toda a população do município e que já dura mais de uma semana de ações e atividades que estão sendo realizadas pela Secretaria de Saúde, através do NASF e ESF.

A enfermeira Letícia Maria Queiroz, ressalta os objetivos pelo qual incentivou à realização da campanha, qual o público envolvido na organização e quais os trabalhos que vêm sendo desenvolvidos.

“Levando-se em consideração o aumento da incidência de consultas por diarreia e vômito na região, o município de Francisco Macedo fez um planejamento com a equipe da Saúde juntamente com o NASF e gestores para mobilizar a população através do aconselhamento. Realizamos mobilização na feira livre, palestras, visitas aos comerciantes do ramo alimentício, bares e restaurantes. Na ocasião, os Agentes de Endemias e Agentes Comunitários de Saúde realizam visitas domiciliares onde é abordado a respeito da Doença da Mosca e o devido tratamento da água, além da entrega do hipoclorito à população. Vale a pena enfatizar a importância do rastreamento e aconselhamento na atenção básica, pois é por meio desta atuação que se pode identificar adequadamente os fatores de risco de morbidade e mortalidade. A intervenção produz resultados em saúde”, finaliza Letícia.

Carla Lariza Ribeiro Carvalho é Assistente Social e atual coordenadora do NASF e também enfatizou em sua fala a necessidade da mobilização no município e quais as estratégias adotadas e utilizadas para a execução da campanha. “O principal motivo que nos ativou a realizar a campanha foi o número crescente de consultas de pessoas com os mesmos sintomas: diarreia e vômito. Inicialmente tivemos um planejamento em equipe para que de forma unificada tomássemos conhecimento do que seria realizado e partimos para a prática das ações já citadas pela enfermeira Letícia. Assistentes sociais, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, enfermeiras, agente de saúde, enfim, todos os profissionais envolvidos com a área da saúde têm participação ativa nessa causa para que tenhamos diminuição no número de acometidos e para que alcancemos com efetividade melhores resultados no nosso sistema de saúde de Francisco Macedo” conclui, Lariza.

Cidades na Net

Facebook
Enquete

picos40graus.com.br - 2015 - 2018 - © - Todos os direitos reservados.
Av. Getúlio Vargas, 484 - Apto 202 - 2º Andar
Centro - Picos - Piauí - CEP: 64.600-002
Email: contato@picos40graus.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade do Picos 40 Graus.
Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria
e são de inteira responsabilidade de seus autores.